Master Data Management e LGPD

Por Marcio Guerra - Diretor de Marketing e Inovações na MD2 Consultoria

MDM possui um contexto profundo, de reengenharia de dados, envolvendo requisitos como ampla conectividade com variadas fontes de dados, alta performance utilizando processamento paralelo massivo para tratamento de dezenas de milhões de registros), modelo de dados multicamadas para garantir a governança completa em todas as etapas de processamento envolvendo a coleta de dados, os processos crítica e saneamento de dados para aplicar as rotinas de tratamento da qualidade e retenção para curadoria e principalmente os mecanismos de resolução de identidade maduros para promover a unificação de cadastros em nível corporativo de forma segura e confiável, mantendo rastreabilidade com suas respectivas origens.

Uma solução de MDM exige sofisticados e maduros algoritmos de correlacionamento de registros de pessoas, que levam investimentos relevantes para serem estruturados (com base na experiência de implantação desses algoritmos para diferentes segmentos de indústria e envolvendo uma gama de perfis de pessoas tratadas para geração desse hub de dados) e que precisam estar em constante evolução.

A implementação de uma solução de Master Data Management exige um trabalho pesado e superespecializado!

Quando se fala de MDM para suporte as iniciativas de LGPD, a lei é clara em relação ao universo de dados que deve ser mapeado. Todos os registros devem ter uma base legal que sustenta sua existência e uso para cada finalidade específica, além do prazo de validade, que não é eterno.

Isso significa que, além dos motores de coleta, análise, qualificação e unificação de dados, uma solução de MDM precisa também embarcar uma inteligência para a gestão de enquadramento, com a finalidade de gerar controles automáticos de fim de vigência ou de não enquadramento dos dados dos titulares presentes na companhia. E, através desses controles, ser possível registrar automaticamente ocorrências em interfaces de gestão de riscos e curadoria para que o encarregado de dados e o time de privacidade e governança possam agir de forma proativa, respeitando os princípios expostos na lei.

Tudo isso faz-se necessário para que a empresa não corra riscos de possuir e utilizar dados sem autorizadores legais e para que possa ser eficaz no atendimento aos direitos dos titulares. A solução de MDM apoia os projetos de adequação à LGPD provendo uma fonte única e confiável de informações sobre cada pessoa que se relaciona com a organização, monitorando de forma contínua toda a qualquer alteração ou inclusão de dados e mantendo a referência a todos os dados pessoais referentes a este titular. Isso dá celeridade e segurança ao processo. Não responder adequadamente a esses direitos geram provas de não conformidade à lei e, por consequência, a exposição da mesma a sanções e punições.

www.md2consultoria.com.br/master-data-management